segunda-feira, 27 de abril de 2009

São José Bento Cottolengo, Confessor, Fundador, 30 de Abril


São José Bento Cottolengo nasceu em de maio de 1786 em Brá, no Piemonte, Itália. Ingressou no Seminário de Turim aos 17 anos de idade e, aos 25 anos, foi ordenado sacerdote.

Fundou a Pequena Casa da Divina Providência e as Damas da Caridade ou Cottolenguinas, (vicentinas), cuja finalidade é o serviço aos pequeninos, aos deficientes, aos doentes. Dizia a respeito da "Pequena Casa da Divina Providência": “Chama-se ‘Pequena Casa’ porque, em comparação com o universo, que é igualmente Casa da Divina Providência, é, com toda certeza, bem pequena”.




A confiança em Deus, que a tudo provê, lhe era tão grande que jamais o Senhor Deus lhe faltou nas horas difíceis e de necessidade. Certa vez, nosso querido santo afirmou: "Quando chegar a hora do almoço, a Providência não se esquecerá de que os pobres têm que almoçar".

São José Cottolengo tinha como lema "caridade e confiança": fazer todo o bem possível e confiar sempre em Deus. Morreu em 30 de abril de 1842, aos 56 anos. Foi beatificado em 1917 pelo Papa Bento XV e, posteriormente, canonizado pelo Papa Pio XI, em 1934.

 

Devoção

São José Bento Cottolengo nos ensina a buscar viver a caridade e a confiança em Deus. Ele é padroeiro dos desanimados.

 

Oração

Deus, nosso Pai, São José Bento Cottolengo fez-se pobre entre os pobres. E, confiante na Divina Providência, não se apoiava na sua suficiência pessoal ou na segurança material. Com fé inabalável entregou-se de corpo e alma à tarefa de mudar a situação dos desvalidos, dos enfermos e necessitados. Pela fé, operastes mediante São José Bento Cottolengo coisas maravilhosas, e a sua obra permanece até hoje espalhada por todo o mundo, como sinal e testemunho vivo de que Vós, Senhor, sois um Deus fiel. Senhor, também nós, segundo a missão que a nós confiastes nesta terra, partilhemos a sorte de nossos irmãos necessitados e jamais lhe neguemos a nossa ajuda. É por meio de nós, Vossos filhos, que Vós agis no mundo e manifestais o Vosso amor no meio dos homens.

Amém.

 

 

Fontes:

 

http://www.asj.org.br/educacao_galeriadossantos.asp?codigo=192

 

http://it.wikipedia.org/wiki/File:Giuseppe_Benedetto_Cottolengo.jpg

 

http://it.wikipedia.org/wiki/File:Piccola_Casa_della_Divina_Provvidenza_Torino.JPG

Um comentário:

Eliana disse...

Gostei do blog...
E a Santa Eliana martir de Cottolengo?
Obrigada