segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Santo Edmund Campion e companheiros, Mártires da Inglaterra, 1º de Dezembro



A missão dos jesuítas na Inglaterra começou com a chegada de Edmund Campion. Era sacerdote jovem ainda quando foi martirizado. Foi o primeiro de um grupo de 10 santos mártires jesuítas, condenados e mortos à sombra dos “Decretos de Persuasão” de 1581, que declaravam crime de alta traição converter ou ser convertido à Fé Católica.
Faziam apostolado às escondidas e, quando presos, para ódio dos membros da Reforma, uns jesuítas formavam outros: as masmorras eram consideradas por eles um noviciado ideal para entrada na Companhia e no Céu. Em 1585, a Rainha Isabel I decretou a lei que condenava à morte qualquer jesuíta em seus domínios. Foram todos torturados, enforcados, arrastados e esquartejados, com exceção do Irmão Nicholas Owen, que morreu durante a tortura. Foram canonizados por Paulo VI em 1970.
“E pelo que diz respeito à Companhia de Jesus, é preciso que saibais que fizemos um pacto - todos os jesuítas do mundo, cujo número deve ultrapassar os cálculos da Inglaterra – de levar com alegria as cruzes que puserdes sobre nós e de nunca desesperar da vossa conversão, enquanto tivermos um só homem para ser despedaçado nos vossos suplícios ou definhar e morrer nas vossas masmorras. O custo está calculado, a empresa começou; é de Deus e é impossível resistir. Assim foi implantada a fé e assim tem que ser restaurada.” 

Fontes:
http://www.puc-rio.br/campus/servicos/pastoral/santo_dezembro.html
http://3.bp.blogspot.com/_drsACX1RqfU/SK4r80r_JMI/AAAAAAAAAbA/wLWhb-NKcGM/s1600-h/saints-campion.jpg

Nenhum comentário: